O FUNCIONAMENTO DA AUTORIA NO USO DE TERMOS TÉCNICOS EM RELATÓRIOS DE ESTÁGIO DO CURSO TÉCNICO DE NÍVEL MÉDIO EM EDIFICAÇÕES DO IF SERTÃO-PE, CAMPUS SALGUEIRO

The functioning of authorship in the use of technical terms in internship reports of the medium level technical course in buildings of IF SERTÃO-PE, campus Salgueiro

Autores

  • Handherson Leyltton Costa Damasceno IF Sertão-PE
  • Felipe Augusto Santana do Nascimento IFAL
  • Márcia Mirelly Callou Freire IFSertãoPE

DOI:

https://doi.org/10.31416/rsdv.v10i3.373

Palavras-chave:

Análise do Discurso, Relatório de estágio, Edificações

Resumo

A realização do relatório de estágio é um requisito obrigatório para a conclusão do Curso do Nível Médio Técnico Integrado de Edificações do Instituto Federal do Sertão Pernambucano (IF SERTÃO-PE), campus Salgueiro. Este artigo, ancorado no arcabouço teórico da Análise do Discurso, tem como objetivo analisar como alunos do Curso de Edificações mobilizam termos técnicos em seus relatórios, constituindo-se autores de seus trabalhos. Para tanto, serão selecionados relatórios de estágios da área de Edificações disponibilizados na plataforma on-line Repositório de Leituras Abertas (Releia) do IF SERTÃO-PE. Por meio de uma análise qualitativa, serão analisados os modos linguístico-discursivos de apropriação de termos técnicos na construção de relatórios de estágios, observando como o estudante do nível médio se constitui autor no seu relatório. Por se tratar de alunos do ensino médio integrado, espera-se observar uma maior dificuldade na inserção e na apropriação de termos técnicos em seus relatórios de estágio na construção de sua autoria.

Referências

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 10719: informação e documentação: relatório técnico e/ou científico: apresentação. Rio de Janeiro, 2011.

BRASIL. Parâmetros curriculares nacionais (Ensino Médio). Brasília: MEC, 2000.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, 2018.

MARCUSCHI, Luiz Antônio. Produção textual, análise de gêneros e compreensão. São Paulo: Parábola Editorial, 2008.

NASCIMENTO, F. A. S. Definir/conceituar: história e sentidos da palavra cultura em dicionários de línguas e de terminologias. Tese de doutorado defendida na Universidade Estadual de Campinas, 2019.

NUNES, J. H. Dicionários no Brasil: Análise e história do século XVI ao XIX. Campinas: Pontes Editores, 2006. v. 1. 254 p.

ORLANDI, Eni. Discurso e leitura. São Paulo: Cortez: UNICAMP, 1988.

ORLANDI, Eni. Discurso e texto: formulação e circulação dos sentidos. Campinas: Pontes, 2005.

ORLANDI, Eni. Interpretação. Autoria, leitura e efeitos do trabalho do simbólico. 6 ed. Campinas, SP: Pontes editores, 2012.

PÊCHEUX, M. Ler o arquivo hoje. In. ORLANDI, Eni P. (Org.). Gesto de leitura. Campinas: Editora da Unicamp, 2010, p. 49-60.

Downloads

Publicado

2022-12-31

Como Citar

DAMASCENO, H. L. C. .; SANTANA DO NASCIMENTO, F. A.; CALLOU FREIRE, M. M. O FUNCIONAMENTO DA AUTORIA NO USO DE TERMOS TÉCNICOS EM RELATÓRIOS DE ESTÁGIO DO CURSO TÉCNICO DE NÍVEL MÉDIO EM EDIFICAÇÕES DO IF SERTÃO-PE, CAMPUS SALGUEIRO: The functioning of authorship in the use of technical terms in internship reports of the medium level technical course in buildings of IF SERTÃO-PE, campus Salgueiro. Revista Semiárido De Visu, [S. l.], v. 10, n. 3, 2022. DOI: 10.31416/rsdv.v10i3.373. Disponível em: https://revistas.ifsertao-pe.edu.br/index.php/rsdv/article/view/373. Acesso em: 4 fev. 2023.

Edição

Seção

Ciências Humanas - Artigos