Afetividade e Interação na EaD: com a palavra, estudantes do IFPB, Polo Sousa

Autores

  • José Lucas Lemos IFPB
  • Dalany Menezes Oliveira IFPB
  • Luís Gomes de Moura Neto IFPB

DOI:

https://doi.org/10.31416/rsdv.v11i1.447

Palavras-chave:

Aprendizagem, Motivação, Laços afetivos, Recursos de Comunicação

Resumo

Não é novidade para ninguém que a tecnologia e a educação estão em constante evolução. Suas aplicações são infindáveis, e elas se unem para quebrar barreiras tradicionais, como no caso da Educação à Distância, modalidade de ensino que surgiu para ampliar e democratizar o acesso à educação, rompendo barreiras físicas e geográficas entre o cidadão e o ensino, mas ainda é alvo de muitas opiniões divergentes. Assim, esse trabalho objetiva contextualizar a visão dos estudantes sobre as relações de interatividade e afetivas no processo de ensino-aprendizagem em um curso EaD. Trata-se de uma pesquisa quantitativa e descritiva, utilizando um questionário de 14 perguntas, no qual desejou-se conhecer o posicionamento dos estudantes do curso de Licenciatura em Letras, do Instituto Federal da Paraíba/IFPB, polo Sousa sobre o tema. Os resultados obtidos apontaram que eles possuem a compreensão de que, quando no processo de ensino-aprendizagem há uma boa interatividade e afetividade na relação professor e estudante, os objetivos tendem a alcançar resultados mais efetivos, e que no seu curso os professores, tutores e a Instituição estimulam a criação de laços afetivos e de amizade, entre todos os participantes do processo, e foi verificado que há o uso de recursos de comunicação para estreitar a comunicação, estes disponíveis no ambiente virtual de aprendizagem, como também fora dele, como de aplicativos de conversa. O processo de afetividade e fundamental para o processo de formação do estudante, gerando várias experiências positivas e reduzindo a evasão e solidão na aprendizagem.

Referências

BACICH, L.; MORAN, J. Metodologias ativas para uma educação inovadora: uma abordagem teórico-prática. Porto Alegre: Penso, 2018. 238 p.

CAMPOS, I. M. S.; MELO, M. S. M.; RODRIGUES, J. F. Educação a Distância: o desafio da afetividade na percepção de tutores e alunos. In: CONGRESSO INTERNACIONAL ABED DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA 20., 2014, Natal. Relatório de pesquisa [...]. Natal, ABED, 2014.

GROSSI, M. G. R.; MORAES, A. P.; BRÉSCIA, A. T. Interatividade em Ambientes Virtuais de Aprendizagem no processo de ensino aprendizagem e aprendizagem na Educação a Distância. Revista @rquivo Brasileiro de Educação, Belo Horizonte, v.1, n. 1, p. 75-92, 2013.

HONORATO, H. G. O tutor na EaD: quem é esse sujeito? In: SILVA, D.; JORGE, W. J. (Orgs.). Educação a Distância: novas possibilidades e desafios para o ensino [recurso eletrônico]. Maringá: Uniedsul, 2020.

MARTINS, R.X.; CRUZ, S.R.M.; SAHB, W.F. Relação entre a qualidade do trabalho da equipe multidisciplinar e o domínio conceitual sobre educação a distância. Revista Unisinos, v.21, n.2, p.164-173. 2017.

NARCIZO, E.C. Henri Wallon: a afetividade no processo de aprendizagem. Profs, 25, julho, 2021. 300p.

Nicolaio, K., & Miguel, L. A democratização do ensino por meio da educação a distância. REVISTA INTERSABERES, v.5, n.9, p. 68–91, 2012

OLIVEIRA, A.C.B.; SOUZA, A.M.A.C.; SOARES, A.S.S.; FLORÊNCIO, R. R.Tendências da educação a distância em instituições de ensino superior no Brasil do século XXI. Revista Semiárido De Visu, Petrolina, v. 6, n. 2, p. 108-119, 2018.

OLIVEIRA, A.F.P. de; QUEIROZ, A. S.; SOUZA JÚNIOR, F.Assis de; SILVA, M.C.T. da; MELO, M.L.V. de; OLIVEIRA, P. R. F. Educação a Distância no mundo e no Brasil. Revista Educação Pública, v. 19, nº 17, 20 de agosto de 2019.

PATI, Raphael. Internet chega a 90% dos domicílios brasileiros, mostra IBGE. Correio brasiliense, 16, set, 2022.

PETERS, O. A educação a distância em transição: tendências e desafios. Trad. Leila Ferreira de Souza Mendes. São Leopoldo, RS: Ed. Unisinos, 2004.

PUERTA, A. A.; AMARAL, R. M. Comparação da educação presencial com a educação à distância através de uma pesquisa aplicada. SNBU São Paulo. XV SEMINÁRIO NACIONAL DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS. 30 Anos. A biblioteca universitária no contexto da Educação à Distância. 2008. São Paulo.

SCHERER, S.; BRITO, G.S. Educação a distância: possibilidades e desafios para a aprendizagem cooperativa em ambientes virtuais de aprendizagem. Educar em Revista, Edição Especial n. 4, p. 53-77, 2014.

Downloads

Publicado

2023-03-23

Como Citar

LEMOS, J. L.; OLIVEIRA, D. M.; MOURA NETO, L. G. de. Afetividade e Interação na EaD: com a palavra, estudantes do IFPB, Polo Sousa. Revista Semiárido De Visu, [S. l.], v. 11, n. 1, p. 126–143, 2023. DOI: 10.31416/rsdv.v11i1.447. Disponível em: https://revistas.ifsertao-pe.edu.br/index.php/rsdv/article/view/447. Acesso em: 23 maio. 2024.